Os relógios Vulcain suportam as condições mais rigorosas. Como nos anos 1930, os representantes comerciais da marca de La Chaux-de-Fonds colocaram seus relógios no pulso de atletas tarimbados. Além do futebol, a Vulcain dirigiu seu olhar para as alturas e as profundezas. Para comemorar o 90°. aniversário do Clube Alpino Italiano em 1954, uma equipe de 14 montanhistas transalpinos jurou que seria a primeira a conquistar o K2, o mítico pico do Himalaia na cordilheira Karakoram, situado na fronteira entre a Índia, a China e o Paquistão. Sob a liderança do professor de geologia Ardito Desio, 700 carregadores transportaram mais de treze toneladas de equipamento para o campo base a uma altitude de 5.000 metros, no sopé daquela magnífica pirâmide de rocha e gelo. A 31 de julho de 1954, a cordada de Uno Lacedelli e Achille Compagnoni, acompanhada dos seus Crickets, chegou a 8.620 metros. Só o Everest é mais alto. Um dos mais famosos montanhistas italianos, Walter Bonatti, também fez parte dessa expedição. Ele mal tinha 24 anos de idade quando passou uma noite a 8.000 metros sem oxigênio e sem barraca. Alguns acreditavam que seria impossível sobreviver. Mas Bonatti, que ironicamente era responsável por carregar os tubos de oxigênio da equipe líder, mostrou que eles estavam errados.